21 de set de 2013

Aprendendo sobre sustentabilidade desde a escola

A temática referente às práticas de sustentabilidade para com o nosso planeta é relativamente nova, entretanto, é desde o ambiente escolar que esse tipo de educação vem sendo inculcada e pensada a partir do comportamento das crianças. De um modo geral, as grades curriculares das escolas abrangem matérias voltadas para o estudo da ecologia e de práticas sustentáveis ativas em casa, na escola e na sociedade como um todo. Partindo do pressuposto de que a criança é o futuro do planeta, a escola passa a ser o lugar de estímulo teórico e prático de um comportamento sustentável, desde atitudes pequenas, como ensinar a jogar o lixo no lixo e reduzir o consumo de água e de luz em casa a não consumir produtos que agridam ao meio ambiente.



A importância de trazer à tona os tópicos sobre sustentabilidade como parte das matérias escolares reside em uma forma de mobilizar desde as práticas educativas a continuidade dos aspectos culturais, sociais e ambientais do planeta, bem como a boa e consciente lida do ser humano com o planeta. Assim, a escola se torna o primeiro lugar social a estimular as atitudes de preservação, de modo a formar nas gerações futuras a responsabilidade social voltada para a não destruição do meio ambiente. O assunto da sustentabilidade não tem sido apenas inserido em discussões de cunho ecológico, mas serve de suporte para a associação com outras matérias, desde a matemática econômica; ao melhor aproveitamento do espaço físico na geografia, tudo perpassa a discussão de comportamentos cada vez mais sustentáveis.

É no espaço escolar que comportamentos autossuficientes e sustentáveis podem ser trabalhados na infância, em favor dos requisitos economicamente possíveis, socialmente justos, culturalmente aceitos e ecologicamente corretos. Entre as atividades estimuladas na escola, destacam-se: o aproveitamento de materiais descartáveis e a prática da reciclagem; o cultivo e a manutenção de hortas no espaço aberto da escola associando a uma cozinha experimental, com o aproveitamento dos alimentos; além de feiras, encontros e exposições que apresentam para a sociedade os conceitos e as razões de ser das práticas da sustentabilidade.

0 comentários :

Postar um comentário

    Blogger news

    Blogroll

    About