30 de jul de 2015

30 de jul de 2015
0 Comments
Posted in Arrangement , Art , Business

Mestre de Obras – Qual a função dessa profissão

O “mestre” que deriva do latim dominus, que significa dominar, executa e confere para com os demais uma série de tarefas. A "ideia" de ser mestre e até mesmo líder é presente em todas as profissões onde existem dois ou mais funcionários trabalhando em conjunto a fim de um objetivo em comum, e com as construções não poderia ser diferente. Nas construções nós temos um pilar muito importante da organização da obra esse é o Mestre de Obras que é o responsável pelos operários, encaminhamento da obra e materiais da construção,

11 de jul de 2015

11 de jul de 2015
0 Comments
Posted in Arrangement , Art , Business

Dicas de como exportar o seu produto

Começar a vender seus produtos para o exterior é um passo muito grande a ser dado por produtores e administradores de pequenas e médias empresas. Às vezes ter um produto muito bom, que seja inovador e apresente diversos diferenciais e vantagens nem sempre é o suficiente, pode ser apenas um pré-requisito. O importante mesmo é que a sua empresa esteja estruturada o suficiente e tenha pleno conhecimento da região para a qual vai exportar, garantindo o sucesso da exportação.
O primeiro passo é ter um produtor diferenciado para que ele se destaque no mercado. Seja na sua embalagem ou no seu processo produtivo, ele precisa oferecer vantagens para conquistar o cliente e fazer com que ele tenha vontade de comprar. Com o seu produto pronto, parta para a próxima etapa importante: pesquisa de mercado. É imprescindível que você conheça o país para o qual vai exportar o seu produto. É preciso ter o conhecimento da sua cultura, do preço dos produtos concorrentes, conhecer o seu público-alvo de perto e pensar em estratégias para se instalar lá e obter sucesso. Apenas com o conhecimento prévio da região é possível se sobressair nas vendas.

Também pesquise se na região para a qual você pretende exportar o seu produto será necessário algum tipo de certificado ou selo de qualidade para ser importado, principalmente se o seu produtor for alimento, pois é preciso ter a garantia de que ele não estrague durante o trajeto. Além disso, é preciso solicitar registros na Secretaria de Comércio Exterior (ligada ao Ministério da Indústria e Comércio Exterior) e também na Receita Federal. O próprio Ministério do Desenvolvimento oferece iniciativas que ajudam o pequeno exportador a se firmar no mercado internacional. O programa Primeira Exportação é um deles, e ocorre em nove estados brasileiros. Também existe o Aprendendo a Exportar e o Vitrine do Exportador. Os três são oportunidades muito boas para começar.

Diante dessas dicas, planeje com cuidado as suas ações dentro e fora da sua empresa. Exportar pode ser difícil à primeira vista, mas depois que você entender todos os processos, a chances de sucesso aumentam significativamente.

8 de jul de 2015

8 de jul de 2015
0 Comments
Posted in Arrangement , Art , Business

Por que minha empresa precisa de um contador?

Foi-se o tempo em que uma pequena ou média empresa fazia algum tipo de “milagre” ou “arranjo” para suprir a necessidade do trabalho contábil dentro da gestão corporativa. Até seria possível, em outros cenários econômicos, improvisar alguém na posição de conselheiro fiscal e responsável pelas contas de uma empresa, não importando seu tamanho – desde que não fosse, claro, uma grande empresa. Hoje a pessoa do contador não é necessária apenas por lidar bem com números e com leis, mas é essencial para o próprio gerenciamento dos processos dentro de uma organização – que vai desde o levantamento de passivos e ativos até o controle do sistema de folha de pagamento de pessoal. Atualmente não é mais possível se “virar nos 30” sem a presença de um contador.


Esse tipo de profissional também é fundamental à luz da legislação brasileira, que estabelece dezenas de obrigatoriedades para que as empresas cumpram, nas mais diferentes áreas do conhecimento matemático. São obrigações fiscais, tributárias, comerciais, trabalhistas, previdenciárias e tantas outras que só podem ser levantadas e analisadas por um contador habilitado. Além disso, caso o contador não esteja preparado para o cargo, coisas básicas como a declaração de um imposto podem virar sérias dores de cabeça no futuro gerencial da instituição.

Mas além disso ainda existem outras searas em que só o contador consegue adentrar com precisão, já que ele estudou para isso – e se você ainda não sabe quais são, confira: vão desde a visão estratégica financeira – e possível – do negócio da empresa até a tomada consciente de decisões pela alta cúpula da diretoria. O contador é hoje um conselheiro fiscal e financeiro de qualquer empresa, cargo que vai além da simples apuração dos resultados e do controle de patrimônio. Além disso, ele é a pessoa que detém informações vitais para o progresso da empresa – e também pode ser o anjo do apocalipse capaz de prever (e remediar a tempo) falências ou prejuízos astronômicos. Hoje em dia, inclusive, espera-se que o contador entenda plenamente do mercado onde está inserida a empresa, para que suas opiniões financeiras sobre a organização sejam sempre coerentes e certeiras.

    Blogger news

    Blogroll

    About